top of page

CASHBACK 3.0: CASHBACK PROPRIETÁRIO PARA EMPRESAS


O que é Cashback?

Originalmente e em tradução livre, cashback é dinheiro de volta em uma transação de compra. É uma recompensa em dinheiro, paga por uma empresa, quando um cliente realiza uma compra.

Quando ele surgiu?

As primeiras estratégias de Cashback datam de 1986, nos Estados Unidos, quando o cartão Discover foi lançado nacionalmente.

Por isso chamamos a versão de cartões de crédito de Cashback 1.0. O foco era se diferenciar de outros emissores de cartão de crédito, gerar fidelização recompensando os clientes pela utilização. 

A proposta de recompensar o cliente com um benefício tangível (dinheiro) não era só levar o cliente a preferir aquele emissor, mas também concentrar todos os gastos em um cartão único.  Nessa versão, o Cashback 1.0 é um benefício do cartão de crédito que reembolsa o titular do cartão em uma pequena porcentagem do valor gasto em cada compra que será  creditada no próprio cartão.

Desde então, o Cashback tornou-se praticamente uma necessidade e quase todos os grandes emissores de cartão de crédito nos Estados Unidos oferecem o benefício em pelo menos um de seus produtos.

No final dos anos 90 e com a chegada da internet, começam a aparecer as primeiras plataformas de Cashback.

Chamamos essa versão de Cashback 2.0. Nessa época, empresas de vendas on-line começaram a pagar uma comissão por vendas que fossem provenientes do encaminhamento de usuários de outros sites.

Sendo assim, surgem as primeiras plataformas de Cashback que perceberam a oportunidade de atrair e fidelizar usuários recompensando-os pelas compras que fossem realizadas através do redirecionamento das suas plataformas. A ideia era simples, repartir parte das comissões de vendas com os usuários.

Nessa versão, a graduação do controle dos percentuais de Cashback ofertados é determinada pelas plataformas de Cashback e a fidelidade do cliente fica muito mais atrelada à plataforma do que ao varejista.

Esse modelo possibilita ao cliente resgatar o valor acumulado de Cashback através de uma transferência para a própria conta bancária. Do ponto de vista do consumidor, esse modelo apresenta uma maior liberdade, mas para as empresas, oportunidades como melhora de relacionamento, fidelização  e comunicação com o cliente são deixadas para trás

Com o avanço tecnológico e a transformação na relação comercial com as novas gerações, o foco no produto passa a ser substituído pelo foco no cliente e surgem novas oportunidades e a evolução para os modelos de Cashback.

Trata-se do Cashback 3.0, uma via de mão dupla, que empodera e captura mais oportunidades para as empresas, gerando benefícios muito mais relevantes para os consumidores.

Cashback 3.0

O Cashback 3.0 é a ferramenta ideal para as empresas melhorarem resultados, incentivando vendas e retendo clientes simultaneamente, proporcionando engajamento, através da utilização de um programa de Cashback proprietário.

O Cashback 1.0 é uma estratégia dos cartões de crédito visando à fidelidade. No Cashback 2.0, as empresas dependem das plataformas de Cashback para oferecer a recompensa aos consumidores.

Contudo, no Cashback 3.0, o poder de gestão da recompensa ao cliente está na mão da empresa, com uma ferramenta que possibilita simultaneamente incentivar vendas e reter clientes e tudo isso sem intermediários, lidando diretamente com os seus clientes e ainda permitindo inúmeras outras estratégias, como: reativação de base, member get member, aquisição de clientes e captura de leads através do pop-up de exit intent.

Além disso, o Cashback 3.0 é uma forma das marcas estarem mais próximas dos seus consumidores, utilizando dados de consumo que, tratados de maneira correta, refinam cada vez mais os perfis dos clientes, otimizando campanhas de marketing criando aproximação dos desejos reais dos consumidores.

As diferenças entre as versões anteriores e o Cashback 3.0 são evidentes.

No Cashback 3.0 não existem intermediários. A empresa tem a vantagem de oferecer Cashback com valores percentuais maiores e o cliente receber esse valor na totalidade. Ou seja, a recompensa vai integralmente para o cliente que, por sua vez, utilizará esse dinheiro em uma nova compra na empresa.

A liberdade para determinar as regras de negócios, como modificar as taxas de Cashback oferecidas, diferenciar o percentual de Cashback de acordo com o perfil de cliente, determinar o prazo de aprovação e validade do Cashback, entre outras, permite à empresa ajustar as estratégias diferenciadas a serem implantadas.

Vantagens para empresas

Adotar uma estratégia de Cashback 3.0 traz inúmeros benefícios para as empresas. Além de incentivar vendas, o Cashback transforma a experiência de compra em um ciclo virtuoso, fidelizando e retendo clientes.

Do ponto de vista do investimento que as empresas já fazem para incentivar vendas ou reter clientes, no Cashback 3.0, eles são postergados e somente ocorrem quando uma nova compra acontece.

Estudos comprovam que o Cashback, além de incentivar as vendas, aumenta a probabilidade do cliente retornar à loja para comprar novamente. Além da recompra, o cliente pode gastar mais. Assim, através do Cashback, é possível aumentar a recorrência de compra e o valor do ticket médio.

Como vimos, o Cashback 3.0 empodera as marcas ao permitir que elas ofereçam a recompensa em dinheiro diretamente para seus clientes, reduzindo os custos e melhorando resultados.

Outra vantagem desse modelo é que os valores percentuais ofertados de Cashback podem variar de acordo com categorias e ou produtos atendendo diretamente os objetivos do negócio.

Isso permite focar em estratégias diferenciadas, utilizando as verbas internas de vendas para incentivar vendas e as verbas internas de marketing para gerar fidelidade.

Com o Cashback 3.0, as empresas passam a ter autonomia e liberdade de gestão de toda a estratégia, sem que seja necessário se submeter às regras e diretrizes de terceiros.
Desta forma, os benefícios gerados são para as empresas e os clientes simultaneamente, estreitando ainda mais o relacionamento com o consumidor.

Como o consumidor enxerga esse benefício

Diferente dos programas de pontos e cupons, o Cashback traz transparência e liberdade ao consumidor para comprar o produto que deseja, sem burocracia e sem regras de direcionamento para determinado produto.

O cliente enxerga o Cashback com bons olhos, pois percebe a preocupação da empresa em proporcionar uma recompensa que realmente agrega valor.

A transformação na forma de se relacionar com o consumidor empodera a marca, gera engajamento e coloca o cliente no centro (Human Centric).

Embora para o consumidor a transferência direta dos recursos para a conta bancária possa parecer mais vantajosa, deve ser levado em consideração que as empresas podem oferecer percentuais muito maiores nos casos em que as recompensas em dinheiro servem para utilização dentro das próprias empresas.

No Cashback 3.0, as formas de recompensar passam a ser definições das empresas e as duas maneiras geram benefícios tangíveis para o consumidor. No entanto, a principal diferença são os valores finais percebidos por ele.

Na conta bancária, ele poderá receber quantias que representam, no mínimo, a metade do que poderiam estar recebendo no Cashback proprietário das empresas.

Agora que você já leu sobre os benefícios do Cashback 3.0 para o seu negócio, que tal observá-los na prática?


A OpenCashback é a inovação e o aprimoramento da estratégia de Cashback. Ele possibilita às empresas melhorarem seus resultados, recompensando os clientes por compras efetivadas. Converse com a nossa equipe e descubra tudo que a OpenCashback pode fazer pelo seu negócio.

13 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page